Como endereçar produtos com data crítica

Quando o tempo passa e o estoque fica: como endereçar produtos com data crítica

Com o agravamento das medidas de restrição de mobilidade, a movimentação de produtos através da cadeia de valor das indústrias tornou-se mais lenta, com tempos e movimentos mais dilatados. Menos consumidores nas lojas e menos vendedores atendendo o varejo demandam menos produtos da indústria. Isso gera um enorme impacto nos volumes de estoque, que na medida em que têm sua vazão reduzida, geram um grave problema de datas críticas que, em turno, compele a indústria a praticar grandes descontos concentrados em poucos clientes.

E se a indústria pudesse ofertar, de maneira simultânea, esses produtos com data crítica para milhares de varejos em um sistema de leilão reverso, disponível 24 horas por dia, 7 dias por semana, no qual o próprio varejo faria a atribuição de valor? Isso resultaria na melhoria dos níveis de serviço, aumento na distribuição numérica e na rentabilidade das vendas.

Esse é o modelo que algumas das maiores indústrias do Brasil já estão utilizando para reduzir perdas, impulsionar vendas e rentabilizar negócios. E na sua indústria, como é endereçado o desafio de produtos com data crítica?

  • BLOG SOUK

    Informações exclusivas, análises e bastidores da transformação digital no varejo e nas indústrias. Aqui você encontra notícias sobre a Souk, inovações nos processos comerciais e resultados alcançados.

    QUEM ESCREVE

    Roberto Angelino Filho

    Roberto Angelino Filho

    CEO SOUK BRASIL
    Mais de 20 anos de experiência em empresas como PepsiCo, P&G e Unilever, onde gerenciou grandes marcas como Ruffles, Doritos, Ariel, Pantene, Vicks e Doriana. Atualmente usa sua expertise para impulsionar o desempenho do marketplace B2B da Souk Brasil, promovendo a democratização das relações comerciais entre indústria e varejo por meio de uma genuína transformação digital nos modelos de negócio e distribuição das indústrias.